512

Deseje “bom dia”, sempre que possível.

Escreva poemas. Mesmo sem fazer rimas bonitas.

Escolha bem a pessoa com quem você vai morar. NENHUMA decisão é tão importante.

Não perca um só segundo pensando nos seus inimigos.

Cerque-se de amigos melhores do que você.

Seja o seu melhor amigo.

Faça as pazes com você mesmo.

Faça uma lista das coisas que mais gosta: um livro, uma revista, um esporte, um cantor, um restaurante, um perfume, uma cor, etc.

Jamais dê um presente sem tê-lo embrulhado.

Diga as crianças que tem orgulho delas e que elas progrediram muito.

Parabenize e incentive alguém todos os dias!

Dê a mão a uma criança. É bom demais.

Plante flores em sua casa.

Pelo menos uma vez na vida, faça geléias.

Feche os olhos para saborear algo gostoso.

Compre um nariz de palhaço.

Não se leve a sério demais.

Conserve a sua alma de criança.

Fuja de pessoas que põem você para baixo ou sugam sua energia.

“Não podemos andar olhando as estrelas, quando temos uma pedra no sapato.” (Provérbio chinês) Livre-se definitivamente das coisinhas que incomodam. Rápido.

Aguente firme. Se você acredita que está no caminho certo, não pare. Aguente firme.

Inclua todas as pessoas de quem gosta nas suas orações.

Alegre-se com seus progressos por menores que sejam.

Esforce-se 24 horas para não criticar nada nem ninguém!

Faça uma limpeza em sua mente: uma consciência limpa é uma porta escancarada para a felicidade.

Diga a seu amor porque você o ama. Para começar dê-lhe dez melhores razões.

Seja o melhor amigo do seu amor.

Não se compare a ninguém.

Escreva um PS: bem gentil para terminar as suas cartas pessoais.

“Procuramos em vão nossa felicidade ao longe, quando esquecemos de cultivá-la dentro de nós.” (Rousseau)

Abra seus armários, separe arrume e dê a entidades beneficentes tudo aquilo que não veste ou usa há dois anos.

Aprenda a apagar lembranças ruins.

Introduza coisas diferentes, loucas em seu cotidiano.

Diga sempre: “Que prazer rever você”

Abrace as pessoas que ama. Principalmente sem motivo especial.

Quando discutir com pessoas queridas, deixe-as ganhar. Escolha ser feliz em vez de ter razão.

Não se desespere por tudo o que for difícil mudar. Faça o melhor que puder. E não pense mais no assunto.

Aprenda a se amar do jeito que é, tanto por dentro quanto por fora.

Dominique Glocheux
In: “A vida é bela” – La vie en rose

What Should I Eat For Breakfast Today ?

What should i eat for breakfast today

Buenos Aires para chicas

“Quando você trabalha em algo que não te realiza, com pessoas que não gosta, em um ambiente que te faz mal, está vendendo seu coração. Você está sempre cansado e frustrado porque sente que não realiza nada de valor. Você é um coadjuvante da sua própria história. Quando trabalha demais e não é reconhecido, você está vendendo sua auto-estima. Quando aceita fazer coisas com as quais não concorda, está vendendo a sua paz. Quando justifica tudo isso pelo dinheiro que recebe, está vendendo a sua alma. Viva intensamente e tenha orgulho de si mesmo. Faça algo de valor. Ao invés de passar os próximos anos da sua vida girando em círculos, correndo atrás e apagando incêndios para enriquecer os outros, saiba priorizar o que é mais importante. Não abra mão dos seus sonhos, não jogue fora o seu tempo. Quanto estão lhe pagando por um dia de vida?! Por quanto você vende um ano?! E dez anos?! Tem lhe sobrado tempo, atenção e coração para ficar com sua família, fazer o que realmente gosta, ou você pôs tudo isso em liquidação para sobreviver?!”

| agorasim.com.br |

Don’t participate when friends or colleagues make fun of another woman’s body, celebrity or otherwise. Do not participate in diet talk. Wear clothes that you feel good in and that express your personality. Pamper yourself with a spa day. Take a long bath, read a good book, and focus on being grateful for all the absolutely amazing things your body is able to do. Many people aren’t so lucky! Remember that cultivating your inner beauty is so much more important than anything you can buy at a store or any number on a scale.

Pessoas. Por elas mesmas.

Já gritei de raiva. Já tive amigos descartáveis. Já fiz duas faculdades. Mudei de país. Voltei ao Brasil. Mudei de país de novo. Falei em português. Falei em espanhol. Falei em inglês. Falei em francês. E falei isso tudo junto quando quis enfatizar que “el brunoise is so picadinho”. Danço na frente do espelho. Tenho muita vergonha alheia e pavor de pessoas efusivas. Comi dulce de leche até morrer de dor de barriga. Derrubo muita coisa. Me queimo facilmente. Aprendi a ser menos ansioso. Aprendi com a Florence que sooner or later in life the things you love you lose. Engordei. Emagreci. Engordei de novo.

Durmo demais. Penso demais. Idealizo demais. Mas também, faço demais. Crio playlists imaginárias que tocam a cada momento da minha vida. Tenho idéias absurdas. Aproveito oportunidades. Sinto borboletas no estômago. Amei demais. Amei de menos. E por hora, aproveito minha formação como cozinheiro e confeiteiro para a cada dia agraciar aqueles que gosto com porções de comida. Cheias de afeto.

 

| Blogger do www.moldandoafeto.com |

Clássico com glamour: a casa da ilustradora Megan HessLiving Gazette

Quartos e quadros que amamos!

Enquanto as ideias não vem…Fashion Gazette

Enquanto as ideias não vem…

Love Food Porn!

Hand in hand, glasses of wine, long walks and lots of amour…

Often, it’s not about becoming a new person, but becoming the person you were meant to be, and already are, but don’t know how to be.